VETINDEX

Periódicos Brasileiros em Medicina Veterinária e Zootecnia

Silagem de resíduo da extração de amido da mandioca em substituição ao milho moído da ração para ovinos

Arlindo Gouveia GONÇALVES, JoãoAlavarse ZAMBOM, MaximilianeFERNANDES, TatianeCesar dos Reis TININI, RodrigoLuís SCHIMIDT, EmersonDalazen CASTAGNARA, Deisede Oliveira CANABARRO, LuanAugusto da CRUZ, Eduardo

RESUMO Com objetivo de avaliar o efeito da substituição do milho grão moído pela silagem de resíduo da extração de amido da mandioca, em dietas para ovinos em confinamento, foi mensurado o consumo, a digestibilidade da matéria seca (MS) e dos nutrientes, e o pH ruminal. Foram utilizados cinco ovinos, canulados, distribuídos em delineamento de quadrado latino (5x5), composto de cinco animais, cinco dietas e cinco períodos experimentais de 21 dias cada, em um total de 105 dias de experimento. Os tratamentos foram diferentes níveis de substituição (0, 25, 50, 75 e 100%) do milho pela silagem de resíduo da extração de amido da mandioca. Os níveis de substituição interferiram de forma significativa, obtendo variação cubica para a ingestão de MS, proteína bruta (PB), matéria orgânica (MO), extrato etéreo (EE) e carboidratos totais (CT), e efeito quadrático para a ingestão de fibra em detergente neutro (FDN) e fibra em detergente ácido (FDA). Porém não houve diferenças significativas na digestibilidadede nutrientes conforme a substituição do milho pela silagem de resíduo da extração de amido da mandioca, assim como não interferiram nos valores de pH ruminal. Recomenda-se a substituição de 75% do milho pela silagem de resíduo da extração de amido da mandioca.

Texto completo