VETINDEX

Periódicos Brasileiros em Medicina Veterinária e Zootecnia

Sistema orgânico de produção de pescado de água doce

Rogério Boscolo, WilsonFeiden, AldiHertes Neu, DacleyDieterich, Fabiana

No presente trabalho objetivou-se levantar dados sobre a produção orgânica de pescado de água doce. Atualmente, a produção de alimentos orgânicos de origem vegetal é a predominante no mercado, no entanto, a criação de animais com certificação de origem orgânica tem grande potencial e é uma importante ferramenta para agregação de valor aos grãos e subprodutos agroindustriais orgânicos. Quanto à normatização da aquicultura orgânica, os produtores têm se baseado em normas internacionais. No Brasil, a normatização para criação de animais é bastante recente e sua regulamentação foi consolidada por meio da Instrução Normativa Interministerial No28, publicada no dia 8 de junho de 2011 pelo Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (MAPA) juntamente com o Ministério da Pesca e Aquicultura (MPA). Na literatura, são escassos os trabalhos com piscicultura orgânica, mas de acordo com os dados disponíveis, a criação de espécies como a tilápia (Oreochromis niloticus) o pacu (Piaractus mesopotamicus) e o jundiá (Rhamdia sp.) alimentados com rações orgânicas, em diferentes sistemas de cultivo, demonstram resultados bastante otimistas quanto ao sistema de produção, foco deste trabalho.

Texto completo