VETINDEX

Periódicos Brasileiros em Medicina Veterinária e Zootecnia

Digestibilidade aparente de alimentos proteicos e energéticos para Trichogaster leeri

Cristiane Teles Tonini, WilliamFanttini Polese, MarceloLima da Costa Abreu, Matheusda Cruz Matos, DouglasVazquez Vidal Júnior, ManuelRicardo Andrade, Dalcio

O experimento foi conduzido para determinar digestibilidade aparente (CDA) da matéria seca (MS), energia bruta (EB) e proteína bruta (PB) da farinha de peixe (FP), farinha de carne e ossos (FCO), farelo de soja (FS), farelo de milho (FM) e farelo de trigo (FT) pelo Trichogaster leeri. Foram utilizados 20 peixes por aquário. Os aquários eram cilíndricos, fundo cônico, com 100 litros cada. A determinação dos CD foi feita por intermédio da metodologia de coleta total de fezes. As médias de temperatura, oxigênio dissolvido e pH durante o período experimental foram de 25,0 ± 1,13 oC; 3,91 ± 0,91mg/L e 5,22 ± 0,87, respectivamente. Os CD da MS, PB e EB foram respectivamente de 68,63, 89,25 e 87,30 para FP; 54,90, 65,95 e 80,62 para FCO; 60,13, 82,19 e 85,46 para FS; 39,30, 89,87 e 89,74 para FM; 22,5,17,45 e 19,54 para FT.

Texto completo