VETINDEX

Periódicos Brasileiros em Medicina Veterinária e Zootecnia

Optimization of a molecular method for the diagnosis of canine babesiosis

Henrique Gonçalves Moraes, PabloPinheiro Rufino, ClaudiaReis, ThaisCristina Figueira Aguiar, DéliaMarcelo Conceição Meneses, AndréCosta Gonçalves, Evonnildo

A babesiose é uma doença hemolítica de ocorrência mundial, causada por protozoários do gênero Babesia(Apicomplexa), que são transmitidos por carrapatos a diversos mamíferos, incluindo o homem. O objetivo deste estudo foi otimizar um método molecular para a detecção de fragmento do 18S rDNA de Babesia canis, Babesia vogeli, Babesia rossi ou Babesia gibsoni com base em uma única semi-nested (snPCR), comparando sua eficiência com um protocolo de PCR simples. Para isso, 100 amostras de sangue de cães com suspeita de hemoparasitoses foram analisadas e, enquanto o protocolo de PCR simples indicou somente 5% (5/100) de amostras positivas, o protocolo de snPCR, com 22% (22/100) de amostras positivas, apresentou maior sensibilidade (pvalor = 0,0000). Este resultado está de acordo com outros estudos que mostram a maior sensibilidade de detecção dos testes baseado em nested ou snPCR. Assim, como uma forma de prevenir resultados falso-negativos devido à baixa parasitemia, sugere-se que este protocolo seja preferencialmente usado nos estudos epidemiológicos de babesiose canina, em especial naqueles que tratam da sua prevalência.

Texto completo