VETINDEX

Periódicos Brasileiros em Medicina Veterinária e Zootecnia

Comparative study of the chemical composition, fatty acid profile, and nutritional quality of Lophiosilurus alexandri (Siluriformes: Pseudopimelodidae), a Brazilian carnivorous freshwater fish, grown in lotic, lentic, and aquaculture environments

Sant´Ana, Léa S.Iwamoto, Adriane A.Crepaldi, Daniel V.Boaventura, Túlio P.Teixeira, Lilian V.Teixeira, Edgar A.Luz, Ronald K.

RESUMO Lophiosilurus alexandri é um peixe de água doce, carnívoro, endêmico da bacia do rio São Francisco e encontra-se vulnerável a extinção. Neste estudo, analisamos a composição química (umidade, cinzas, lipídeos e proteína), o perfil de ácidos graxos e qualidade nutricional (índices de aterogênicidade e trombogenicidade, razão entre ácidos graxos hipocolesterolêmicos e hipercolesterolêmicos e 6/3) de L. alexandri em ambientes lóticos (rio), lênticos (hidrelétricas), sob alimentação natural, e em laboratório, com condições controladas e alimentados com dietas comerciais. Os peixes cultivados e capturados em ambientes lênticos apresentaram níveis lipídicos significativamente mais altos (1,5 e 1,9 vezes, respectivamente) do que os peixes cultivados em ambientes lóticos. Os animais cultivados em ambiente lênticos, apresentaram níveis significativamente mais altos de ácido eicosapentaenoico (EPA) (4×) que os animais cultivados em laboratório e ambiente lóticos. Os níveis de ácido docosaexaenoico (DHA) foram os mais altos em peixes lênticos, seguidos pelos peixes lóticos. Os peixes lênticos apresentaram melhor proporção de ácidos graxos 6/3 que peixes lóticos ou de cativeiro. Os resultados deste estudo mostraram que L. alexandri é um peixe magro (1-2% do total de lipídios) e que o ambiente tem uma grande influência no perfil de ácidos graxos. Esses resultados podem ser uma referência para novos estudos, principalmente como fonte de informações para sua conservação por meio do repovoamento e desenvolvimento de projetos para sua criação comercial.

Texto completo