VETINDEX

Periódicos Brasileiros em Medicina Veterinária e Zootecnia

Métodos de amostragem para quantificar indivíduos adultos do pequi Caryocar brasiliense Cambess

Silva Bruzinga, JosianeLeles Romarco de Oliveira, MarcioSaraiva Nogueira, GilcianoMarinho Pereira, IsraelGarcia Leite, HelioLuiz Mendonça Machado, Evandro

O objetivo do trabalho foi avaliar o uso da Amostragem Adaptativa Cluster (AAC) na quantificação de indivíduos adultos de Caryocar brasiliense Camb. (Pequi), em comparação aos métodos de amostragem tradicionais. Foi feito um censo com mapeamento dos indivíduos adultos de pequi em uma área de cerrado de 36,5ha no Parque Estadual do Rio Preto/MG. O mapa gerado foi divido em unidades de 20×20m no qual foram testadas cinco alternativas de amostragem utilizando a Amostragem Casual Simples, Amostragem Sistemática e Amostragem Adaptativa Cluster. A comparação entre elas foi feita através do teste F de Graybill a 1% de significância, considerando os parâmetros precisão e exatidão. Todas as alternativas apresentaram boa exatidão, sendo a Amostragem Adaptativa Cluster, com condição de inclusão igual a 2, a mais precisa.

Texto completo