VETINDEX

Periódicos Brasileiros em Medicina Veterinária e Zootecnia

Growth and yield of anthurium in response to gibberellic acid

Domingues Lima, JulianaFelipe Ansante, NathaliaShigueaki Nomura, EdsonJun Fuzitani, EduardoHelena Modenese-Gorla da Silva, Silvia

Ácido giberélico (AG3) induz o florescimento de plantas de diversos gêneros da família Araceae. Assim sendo, foi avaliado o efeito do AG3 no crescimento e produção de Anthurium andraeanum cv. 'Apalai'. Para tal, mudas micropropagadas foram plantadas em canteiros sob viveiro com 70% de sombreamento. O delineamento experimental foi inteiramente casualizado em parcelas subdivididas com oito repetições. O efeito do regulador de crescimento foi avaliado na parcela, e o tempo após o início dos tratamentos, avaliado na subparcela. As concentrações de AG3 foram 0, 150, 300, 450 e 600mg L-1, aplicadas a cada 60 dias, por meio de pulverização foliar. As aplicações e avaliações foram iniciadas após a produção de hastes florais comercializáveis. Mensalmente, foi avaliado o número de folhas e determinadas suas dimensões. Semanalmente, foi avaliada a presença da inflorescência e, no ponto de colheita comercial, suas dimensões. AG3 a 150, 300 and 450mg L-1 promoveu aumento na área foliar da planta. No entanto, não houve aumento do número de inflorescências produzidas ou qualidade, o que torna inviável a recomendação deste regulador de crescimento para uso em área de produção comercial.

Texto completo