VETINDEX

Periódicos Brasileiros em Medicina Veterinária e Zootecnia

Tamanho de amostra para a estimação da média de caracteres morfológicos e produtivos de nabo forrageiro

Cargnelutti Filho, Alberto)Facco, GiovaniDal'Col) Lúcio, AlessandroToebe, MarcosBurin, CláudiaLuis Fick, AndréMario Márcio Neu, Ismael

O objetivo deste trabalho foi determinar o tamanho de amostra (número de plantas) para a estimação da média de caracteres morfológicos e produtivos de nabo forrageiro (Raphanus sativus L.). Em um experimento a campo, foram selecionadas, aleatoriamente, 300 plantas e mensurados os caracteres morfológicos (estatura de planta e número de folhas aos 21, 35, 48, 55, 62, 70, 77 e 91 dias após a semeadura) e os produtivos (massas verde e seca, de raízes, de caule, de folhas e total aos 91 dias após a semeadura). Foram calculadas medidas de tendência central e de variabilidade, verificada a normalidade e calculado o tamanho de amostra. Para estimar a média, com mesma precisão, o tamanho de amostra dos caracteres produtivos é maior que dos morfológicos. Para os caracteres morfológicos e produtivos estudados, 231 plantas são suficientes para um erro de estimação máximo de 10% da média estimada, com grau de confiança de 95%.

Texto completo