VETINDEX

Periódicos Brasileiros em Medicina Veterinária e Zootecnia

p. 29-36

Alternativas de produção agrícola em regiões com baixa incidência pluviométrica

Cardoso, Rafael BritoSouto Filho, Sebastião Nilce

O crescimento econômico e a necessidade de alimentação para a população podem prejudicar o abastecimento de água devido à poluição gerada pela indústria e o grande volume necessário para produção de alimentos. A escassez de água e a poluição dos recursos hídricos representam um problema de saúde pública, limitam o desenvolvimento econômico e degradam o meio ambiente, consequências mais notadas nos países em desenvolvimento. Em regiões nas quais as precipitações não atendem a demanda hídrica pode-se utilizar a irrigação. Por outro lado, sabe-se que a disponibilidade de água potável está cada vez mais escassa e os sistemas de irrigação são os maiores consumidores de água no Brasil. Segundo estudos, algumas práticas podem favorecer o acúmulo de água, propiciando a utilização do sistema de irrigação, beneficiando a produção agrícola em áreas classificadas como impróprias para cultivo, especialmente em áreas áridas e semiáridas, como no caso do Nordeste brasileiro, onde a escassez hídrica representa uma séria limitação para o desenvolvimento socioeconômico, o que se traduz em baixos níveis de renda e padrões insatisfatórios de nutrição, saúde e saneamento de parcela representativa da sua população. Porém, somente o projeto de irrigação não garante o sucesso de produção na área, é preciso haver conhecimentos agronômicos sobre quais espécies devem ser manejadas e a melhor forma de condução, adaptando de acordo com a realidade encontrada na propriedade.(AU)

Texto completo