VETINDEX

Periódicos Brasileiros em Medicina Veterinária e Zootecnia

Bioassay assessment of metarhizium anisopliae (metchnikoff) sorokin (deuteromycota: hyphomycetes) against Oncometopia facialis (signoret) (hemiptera: cicadellidae)

Dalla Pria Júnior, WolneyTeixeira Lacava, PauloLuiz Messias, ClaudioLúcio Azevedo, JoãoMagalhães Lacava, Pedro

A Clorose Variegada dos Citros (CVC) é uma doença economicamente importante e destrutiva no Brasil e é causada pela bactéria Xylella fastidiosa e transmitida por insetos vetores tal como Oncometopia facialis. Nesse estudo, a eficácia do fungo Metarhizium anisopliae em controlar o inseto vetor O. facialis foi estudada em condições de bioensaio. Nesse bioensaio, insetos foram pulverizados com uma suspensão de 5 X 10(7) conídio mL-1. Insetos-adultos capturados no campo foram tratados em grupos de 10, em um total de 11 replicatas por tratamento. Diferenças significativas entre a mortalidade natural e a mortalidade dos insetos tratados com o fungo foram observadas em 6 dias após a inoculação (P 0.05). Estas diferenças significativas aumentaram antes do décimo dia após o tratamento. O fungo causou uma mortalidade de 87,1%, com uma LT50 variando entre 5 e 6 dias. A LC50 foi de 1,2 X 10(6) conídio mL-1, variando de 7,7 X 10(5) a 2 X 10(6) conídio mL-1. Estes resultados mostraram que o vetor O. facialis foi susceptível a ação entomopatogênica de M. anisopliae em condições controladas durante o bioensaio.

Texto completo