VETINDEX

Periódicos Brasileiros em Medicina Veterinária e Zootecnia

p. 587-594

Controle alternativo do míldio da videira com extrato aquoso de cinamomo e óleo vegetal

Silva, C. M. daBotelho, R. VFaria, C. M. R. DStadler, T. P

Este trabalho teve como objetivo avaliar o efeito do extrato aquoso de cinamomo (Melia azederach) no controle de Plasmopara viticola. Para o teste de germinação de esporângios do oomiceto foram utilizadas as concentrações de 0, 5, 10, 15, 20 e 25 mL L-1 de extrato aquoso de cinamomo (EC), além dos tratamentos com mancozebe e calda bordalesa. No experimento em casa de vegetação e a campo foram estudadas as concentrações de 0, 30, 40 e 50 mL L-1 de EC (1:10 p/v), além de um tratamento com calda bordalesa (1:1:100). No segundo experimento, em condições de campo, os tratamentos foram: 0, 10, 20, 30, 40 e 50 mL L-1 de EC, acrescidos de óleo vegetal a 2,5 mL L-1, calda bordalesa e testemunha absoluta. No teste de germinação, verificou-se maior inibição de P. viticola às 2 horas após a incubação, para as concentrações de 20 e 25 mL L-1 de EC com uma redução de 66,5 e 62,0%, respectivamente. Em condições de casa de vegetação o EC a 40 e 50 mL L-¹ apresentou reduções de 70,0% e 86,0% da doença, respectivamente. Enquanto que as mesmas concentrações, no primeiro ciclo do experimento a campo, apresentaram um decréscimo de 34,0% e 31,0%, respectivamente. No segundo ciclo, o uso de óleo vegetal como adjuvante mascarou o efeito do EC e a aplicação isolada de óleo vegetal reduziu em 76,3% a área abaixo da curva de progresso da doença (AACPD), similar aos resultados obtidos com todas as concentrações de EC e com a calda bordalesa. (AU)

Texto completo