VETINDEX

Periódicos Brasileiros em Medicina Veterinária e Zootecnia

p. 447-450

Canibalismo entre as larvas Myrmeleon brasiliensis (Návas, 1914) (Neuroptera, Myrmeleontidae)

Lima, Tatiane do Nascimento

O canibalismo pode ser influenciado por vários fatores intrínsecos e extrínsecos à população, tais como a densidade, a estrutura da população, a disponibilidade de presas, a estrutura do habitat e o nível de fome. Todos esses fatores podem atuar independentemente ou de forma sinérgica para determinar a frequência de canibalismo. Os objetivos deste estudo foram avaliar o efeito dos fatores densidade e da oferta de alimento na ocorrência de canibalismo entre as larvas Myrmeleon brasiliensis (Neuroptera, Myrmeleontidae). Foi observado que tanto em situações de baixa densidade quanto de alta densidade o canibalismo é maior nos tratamentos que simularam a falta de alimento. A busca pelo alimento faz com que as larvas se desloquem; esse deslocamento contribui para que uma larva M. brasiliensis caia na armadilha da larva vizinha. Dessa maneira, o comportamento canibal entre M. brasiliensis pode estar associado à oportunidade, e não a uma busca direta pela presa da mesma espécie.(AU)

Texto completo