VETINDEX

Periódicos Brasileiros em Medicina Veterinária e Zootecnia

p. 419-425

Avaliação da dieta de Astyanax altiparanae Garutti & Britski, 2000 (Osteichthyes, Tetragonopterinae) antes e após a formação do reservatório de Salto Caxias, Estado do Paraná, Brasil

Aparecida da Silva Cassemiro, FernandaSegatti Hahn, NormaFugi, Rosemara

Esse estudo objetivou avaliar a dieta de Astyanax altiparanae (Osteichthyes, Tetragonopterinae) no ambiente natural e após a formação do reservatório de Salto Caxias, rio Iguaçu, Estado do Paraná, Brasil, a fim de investigar a adaptabilidade trófica da espécie. As coletas foram realizadas de março/97 a fevereiro/00 resultando na obtenção de 582 estômagos, cujos itens alimentares foram quantificados, volumetricamente. Na fase rio, a espécie mostrou forte tendência à herbivoria, e após o represamento, uma dieta onívora. Na análise de agrupamento (DCA), formaram-se grupos temporais distintos: o primeiro agrupou alguns exemplares coletados na fase rio com dieta mais especializada e o segundo, exemplares coletados após o represamento e que apresentaram dieta mista. Os resultados evidenciaram que A. altiparanae mostrou alta adaptabilidade trófica, indicando que poderá ser bem sucedida no novo ambiente.

Texto completo