VETINDEX

Periódicos Brasileiros em Medicina Veterinária e Zootecnia

p. 303-308

Valor nutricional da forragem de genótipos de trigo de duplo propósito submetidos ao pastejo com vacas em lactação

Quatrin, Mauricio PaseOlivo, Clair JorgeBratz, Vinicius FelipeAlessio, ViniciusSantos, Fabiene Tomazetti dosAguirre, Priscila Flores

Na Região Sul do Brasil, uma das grandes limitações da pecuária leiteira é a escassez de forragem que normalmente ocorre no período compreendidio entre o outono e início do inverno. O cultivo de genótipos de trigo de duplo propósito é uma das alternativas para minimizar o impacto da carência de forragem e ainda produzir grãos. Assim, esta pesquisa teve como objetivo avaliar o valor nutritivo de dois genótipos de trigo de duplo propósito (BRS Tarumã e BRS Umbu). O delineamento experimental foi o completamente casualizado, com dois tratamentos (genótipos), três repetições de área e medidas repetidas no tempo (pastejos). Para o pastejo foram utilizadas vacas em lactação da raça Holandesa, recebendo complementação alimentar de 1 kg de concentrado para cada 5 litros de leite. Nos 108 dias experimentais foram conduzidos três ciclos de pastejo. Avaliou-se a composição estrutural do pasto e a extração de nitrogênio da forragem. O valor nutricional foi avaliado quanto aos teores de matéria mineral (MM), matéria orgânica (MO), fibra em detergente neutro (FDN), proteína bruta (PB), nutrientes digestíveis totais (NDT), digestibilidade in situ da matéria orgânica (DISMO) e digestibilidade in situ da matéria seca (DISMS). Houve diferença para a FDN (49,03 vs. 46,44%), PB (24,4 vs. 27,4%), DISMO (83,53 vs. 85,45%), DISMS (83,59 vs. 86,65%) e NDT (75,37 vs. 78,39) para os genótipos BRS Umbu e BRS Tarumã, respectivamente. Valores similares foram encontrados para MM (10,34%) e MO (89,66%). O genótipo BRS Umbu apresenta menores participações de lâminas foliares na massa de forragem do pasto e menor extração de nitrogênio da massa de forragem. O genótipo BRS Tarumã apresenta melhores resultados quanto ao valor nutricional da forragem, participação de lâminas foliares e extração de N.(AU)

Texto completo