VETINDEX

Periódicos Brasileiros em Medicina Veterinária e Zootecnia

p. 301-306

Balanço de compostos nitrogenados e síntese de proteína microbiana em novilhos suplementados com torta de girassol em substituição parcial ao farelo de soja

Lima, Hellen LelesGoes, Rafael Henrique de Tonissi e Buschinelli deOliveira, Euclides Reuter deGressler, Maria Gizelma de MenezesBrabes, Kelly Cristina da SilvaGabriel, Andrea Maria de Araújo

Para se avaliar a suplementação de torta de girassol em novilhos mantidos a pasto, sobre o balanço de nitrogênio e a síntese de proteína microbiana, foram utilizados quatro animais em piquetes com capim Marandu (B. Brizantha), em quadrado latino 4x4. Os suplementos foram fornecidos na quantidade de 6 g kg^-1 de peso vivo dia^-1; constituídos de milho, farelo de soja e mineral, sendo o farelo de soja substituído nas proporções de 0, 20, 40, e 60%. A dieta disponível apresentava em média 6,79; 6,96; 7,10 e 6,87% de nitrogênio, para os níveis de substituição de 0, 20, 40 e 60%. A inclusão da torta de girassol (TG) elevou o N ingerido e o N fecal, proporcionando balanço positivo. A concentração plasmática de ureia dos animais suplementados com TG foi 28,13% inferior aos animais suplementados sem TG. A inclusão de TG não alterou a concentração de alantoína, os derivados de purina, o nitrogênio microbiano, proteína bruta microbiana e eficiência microbiana, apresentando valores médios de 150,98 mmol dia^-1; 158,06 mmol dia^-1; 112,35 g dia^-1; 702,18 g dia^-1; 146,41 proteína bruta microbiana kg^-1 NDT. A substituição parcial do farelo de soja pela torta de girassol melhorou o balanço de nitrogênio, sem alterar a síntese de proteína microbiana e a excreção de ureia e creatinina.(AU)

Texto completo