VETINDEX

Periódicos Brasileiros em Medicina Veterinária e Zootecnia

p. 39-45

Níveis de cloro para codornas italianas destinadas à produção de carne

Raquel, Débora LinharesLima, Raffaella CastroFreitas, Ednardo RodriguesSá, Newton LimaXavier, Regina Patrícia de SouzaPaiva, André Campos

Com o objetivo de determinar os melhores níveis nutricionais de cloro para codornas italianas destinadas à produção de carne (um a 49 dias de idade), foram utilizadas 384 codornas com um dia de idade, distribuídas em delineamento inteiramente casualizado, com seis tratamentos e oito repetições de oito aves por unidade experimental. Os níveis de cloro avaliados foram: 0,07; 0,12; 0,17; 0,22; 0,27 e 0,32%. Não foram observados efeitos significativos dos níveis de cloro das rações sobre todos os parâmetros avaliados. Considerando-se que os níveis de cloro não promoveram sinais de deficiência ou excesso que pudessem ser determinados por alterações no desempenho das codornas, pode-se recomendar que rações para codornas de corte de um a 49 dias de idade podem conter níveis de 0,07 a 0,32% de cloro .(AU)

Texto completo